WHAT'S NEW?
Loading...

Eneva adquiriu sete grupos geradores a gás fabricados pela Caterpillar

Imagem relacionada
A Eneva adquiriu sete grupos geradores a gás fabricados pela Caterpillar e distribuídos pela Sotreq, totalizando a geração de 3,45MW de energia. Eles irão atuar na exploração de gás do Campo do Azulão, no Amazonas. O gás explorado deve abastecer uma termelétrica com capacidade de gerar 117 megawatts de energia, o equivalente ao consumo de 70% do Estado de Roraima.

O projeto será integrado à UTE Jaguatirica II, em Roraima. Após liquefeito e estocado no Azulão, o gás será transportado em caminhões-tanque criogênicos por mais de mil quilômetros para a UTE Jaguatirica II, perto de Boa Vista. A energia gerada será interligada à rede de transmissão elétrica.

Nesta fase de implementação, os geradores serão a única fonte de energia disponível para a Eneva trabalhar no Campo do Azulão. “Lá é o que chamamos de planta para operação em ilha, ou seja, sem conexão à rede de energia. A confiança depositada na Sotreq para gerir o projeto e na tecnologia Caterpillar é total”, explica Lucas Monteiro, gerente comercial de aplicações a gás da Sotreq. “Os geradores são dedicados ao processo de liquefação do gás. A disponibilidade de nossa planta de geração é preponderante para manter o projeto integrado em pleno funcionamento”, salienta.

Gerador a gás linha alemã

Os geradores a gás fornecidos pela Sotreq virão da fábrica da Caterpillar na Alemanha e serão os primeiros do tipo (linha CG260) na América do Sul. “A gente tem um bom desafio. Confiamos muito na tecnologia. Esta linha de gerador possui centenas de referências em outros continentes e sabemos que pelo alto nível tecnológico, terá um grande espaço em nosso mercado”, diz Lucas.