WHAT'S NEW?
Loading...

Cade aprova que Imetame compre campos de petróleo da Petrobras

Resultado de imagem para Polo Lagoa Parda município de Linhares

Cade aprova a venda do Polo Lagoa Parda da Petrobras para Imetame por R$ 9,4 milhões. O conjunto de três campos de petróleo localizado próximo ao município de Linhares, no Espírito Santo, foi 100% vendido pela estatal petroleira.

A transação ocorreu em 11 de outubro deste ano. Fica de olho que a Petrobras perfurou o primeiro poço de Uirapuru, no pré-sal de Santos e inicia nova perfuração na Bacia de Sergipe, Alagoas.

De acordo com a petroleira, o valor da venda será pago em duas parcelas, sendo uma de 1,4 milhão de dólares, na assinatura do contrato, e outra de pouco menos de 8 milhões de dólares no fechamento da transação.

Segundo a Petrobras, informou em nota “A transação está alinhada à otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à geração de valor para os nossos acionistas.”

A operação está de acordo com a Sistemática para Desinvestimentos da Petrobras e com as disposições do procedimento especial de cessão de direitos de exploração, desenvolvimento e produção de petróleo, gás natural e outros hidrocarbonetos fluidos, previsto no Decreto 9.355/2018.

Campos de petróleo Búzios e Itapu arrematados pela Petrobras devem gerar 50 mil novos empregos
Plataforma Peregrino C da Equinor entra em operação ano que vem e criará 350 novas vagas de emprego na Bacia de Campos

Sobre o Polo Lagoa Parda

O Polo Lagoa Parda compreende três concessões terrestres em produção: Lagoa Parda, Lagoa Parda Norte e Lagoa Piabanha. A Petrobras é operadora com 100% de participação nos três campos.

A produção média atual do Polo é de aproximadamente 300 barris de óleo por dia (bpd) e 5,5 mil m3/dia de gás.

Sobre a Imetame Energia

A Imetame Energia é uma empresa brasileira, que atua no segmento de óleo e gás como operadora de blocos e campos terrestres nas Bacias Sedimentares Brasileiras do Recôncavo (BA), Potiguar (RN), Espírito Santo (ES) e São Francisco (MG) com produção média de 820 boe/dia.