WHAT'S NEW?
Loading...

Brasil terá o maior parque eólico da América Latina

Resultado de imagem para NEOENERGIA parque eólico da América Latina

Novo e grande complexo eólico da Iberdrola no Brasil, com investimento total de 480 milhões de euros

Por meio de sua subsidiária brasileira, Neonergia, a Iberdrola construirá o seu maior parque eólico terrestre na América Latina, o segundo maior parque eólico do mundo.

Complexo Oitis será composto por 12 parques eólicos

O parque, chamado Oitis, será composto por 12 parques com capacidade instalada combinada de 566,5 megawatts (MW).

O investimento da Iberdrola neste projeto chegará a 480 milhões de euros, segundo a Europa Press, de acordo com as informações que possui.

O complexo ficará localizado entre os estados do Piau e da Bahia, no nordeste do Brasil e está programado para comissionamento completo em meados de 2022.

Complexo Eólico terrestre de Oitis

Localização – Estados do Piauí e Bahia (Nordeste do Brasil)
Capacidade total instalada – 566.5 MW
Entrada em operação – Meados de 2022

Dois dos parques, Oitis 1 e Oitis, já garantem a venda de 30% da sua energia limpa que irão gerar. Foi em junho, quando a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) organizou o leilão.

As outras 10 instalações negociarão a venda de sua produção de eletricidade no mercado.
Atualmente, a Neoenergia possui 516 MW de energia eólica em operação. Com o complexo eólico de Oitis, possui 1.038 MW de energia eólica em construção.

Consequentemente, em 2022, ele adicionará 1.600 MW de energia eólica em operação, triplicando o valor atual.

O grupo já está garantido com a venda de 51% da energia por meio de contratos regulados, enquanto 49% serão colocados no mercado livre.

O PROJETO TORNA-SE O SEGUNDO MAIOR PARQUE EÓLICO TERRESTRE IBERDROLA NO MUNDO.

Os seus 566,5 MW, Oitis, ficarão atrás apenas do americano de Peñascal, localizado no Texas (606 MW), e logo à frente do parque eólico escocês Whitelee, localizado ao sul de Glasgow (539 MW).

Com este novo projeto, a empresa continua a fortalecer a sua liderança mundial no setor de energia renovável. No final do primeiro semestre de 2019, a sua capacidade instalada é de cerca de 30.400 MW.

Iberdrola reafirma aposta no Brasil

Por meio da Oitis, a Neoenergia chegará ao Piauí, o que ajudará o desenvolvimento económico e social do estado, bem como o do vizinho da Bahia.

Além disso, com o novo projeto, a Iberdrola reafirma o seu compromisso com o Brasil. Prevê um investimento, através da Neonergia, entre 25.000 e 30.000 milhões de reais (6.500 milhões de euros) nos próximos cinco anos.

Aos investimentos planeados, outros projetos derivados dos leilões de linhas e capacidade de geração que o Ministério de Minas e Energia do Brasil planeia convocar nos próximos anos poderão ser adicionados.

Os valores citados serão utilizados principalmente para expandir e melhorar as redes de distribuição dos diferentes estados do Brasil. Entre eles, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte, São Paulo e Mato Grosso do Sul. Da mesma forma, o desenvolvimento de novas linhas de transporte e a construção de mais parques eólicos.

A Iberdrola, através da Neoenergia, está presente em 18 estados do país. Lá, é dedicado à geração, transporte, distribuição e comercialização de eletricidade numa área de 840.000 quilómetros quadrados.

A subsidiária Neoenergia está listada na bolsa de valores de São Paulo desde abril. Com uma capitalização de cerca de 19.000 milhões de reais, a Neoenergia tornou-se a principal empresa privada de energia elétrica, com presença na atividade de rede listada no Novo Mercado.