WHAT'S NEW?
Loading...

EMPREGOS: Sete Brasil firma acordo de bilhões para contratos de construção de plataformas congeladas

Resultado de imagem para Keppel Corp e a Sembcorp Marine

Podem ser gerados milhares de empregos na industria naval brasileira


A Keppel Corp e a Sembcorp Marine chegaram nesta segunda-feira (7) a um dos mais aguardados acordos com a Sete Brasil para contratos de construção de plataformas de petróleo no valor de bilhões de dólares que foram congelados depois que seu maior cliente foi forçado a pedir falência em meio a uma corrupção avassaladora sonda no Brasil.

A Keppel, em um pedido de troca antes do início das negociações nesta segunda-feira pela manhã, disse que sua unidade Keppel Offshore & Marine (Keppel O&M) assumirá o controle de quatro plataformas de perfuração de petróleo incompletas e está em discussão para concluir a construção das duas plataformas restantes.

A Keppel recebeu US$ 1,3 bilhão (US$ 1,7 bilhão) em pagamentos em andamento da Sete Brasil para as seis ordens de equipamento, que tinham um valor total de contrato de cerca de US$ 4,9 bilhões, antes que os pagamentos parassem em novembro de 2014. Keppel parou de trabalhar nas plataformas no final 2015.

Para quatro plataformas, os contratos de engenharia, aquisição e construção e os contratos relacionados firmados com as subsidiárias da Sete Brasil serão considerados rescindidos de forma amigável, sem penalidades, reembolsos e / ou valores adicionais devidos a qualquer parte. Ambos os lados também renunciaram a todos os direitos de quaisquer reivindicações.

Dessas quatro plataformas, o trabalho em uma delas é concluído em 40%, um segundo em 21% e os outros dois em menos de 10%.

Quando o acordo entrar em vigor, a unidade de Keppel O&M Fernvale terá a propriedade total das quatro plataformas e explorará várias opções para extrair o melhor valor desses ativos, disse Keppel.

Para os dois pedidos remanescentes, uma soma total de quase US $ 260 milhões (S $ 358,8 milhões) será reconhecida como parte da dívida incontestável incluída no plano de reestruturação aprovado pela corte da Sete Brasil. O valor será pago à Fernvale proporcionalmente e em pé de igualdade com os demais credores do Grupo Sete.

A Fernvale também está discutindo com a Magni Partners (Bermuda) Ltd os termos para concluir a construção das duas sondas de perfuração, com 92% e 70% concluídas respectivamente para as unidades Sete Brasil Urca e Frade, respectivamente. A oferta vencedora da Magni Partners para comprar quatro subsidiárias da Sete Brasil, incluindo Urca e Frade, foi aprovada em uma reunião dos credores da Sete Brasil em 3 de outubro, disse Keppel.

O acordo também foi aprovado nesta reunião. Keppel observou que o contrato só entrará em vigor com o cumprimento de outras condições precedentes, incluindo a venda bem-sucedida de Urca e Frade pela Sete Brasil à Magni Partners.

“Quando o acordo de liquidação entrar em vigor, a Keppel O&M poderá resolver uma questão pendente há muito relacionada às seis plataformas, e ansiosa para explorar outras oportunidades de contribuir com a indústria de petróleo e gás no Brasil”, disse Keppel.

Em um comunicado durante o meio-dia de negociação, a Semcorp Marine disse que seus sete contratos de plataforma com as subsidiárias da Sete Brazil no valor total de US$ 5,6 bilhões serão rescindidos e as partes se libertarão mutuamente de todas as reivindicações relacionadas aos contratos. Isso está sujeito ao cumprimento de certas condições anteriores.

A Sembcorp Marine recebeu um total de US$ 2,7 bilhões em pagamentos em andamento para as plataformas antes que os pagamentos parassem em novembro de 2014.

Para cinco das sete plataformas, a Sembcorp Marine manterá todos os trabalhos realizados.

Os dois restantes fizeram o maior progresso na construção e serão divididos entre a Sembcorp e a Sete Brasil na proporção dos pagamentos já feitos pela Sete Brasil. A Sete Brasil identificou um comprador para suas unidades proprietárias dos dois navios-sonda. Espera-se que o comprador negocie com a Sembcorp a celebração de novos contratos para concluir os navios-sonda.

Após o acordo, as partes encerrarão o processo de arbitragem para reivindicações contratuais iniciadas em abril de 2016. A Sembcorp Marine disse que fará novos anúncios quando todas as condições precedentes forem cumpridas e o acordo de liquidação entrar em vigor.

A Keppel Corp registrou uma provisão adicional de US$ 81 milhões nos resultados financeiros do quarto trimestre de 2017 por perdas causadas em seus projetos de construção de plataformas Sete Brasil, além de uma provisão anterior de US $ 230 milhões anunciada no quarto trimestre de 2015. A Sembcorp Marine efetuou prejuízos e provisões de US$ 329 milhões para os projetos de navios-sonda durante seu exercício fiscal encerrado em 31 de dezembro de 2015.

A Keppel O&M também concordou no final de 2017 em pagar multas no valor de US$ 422,2 milhões com autoridades criminais nos Estados Unidos, Brasil e Cingapura em relação a subornos feitos por um ex-agente no Brasil para vencer 13 contratos com a gigante petrolífera brasileira Petrobras e seus principais fornecedor de equipamentos Sete Brasil.

Após os anúncios de acordo nesta segunda-feira, as ações da Keppel Corp negociaram US$ 0,07 ou 1,2%, para US$ 5,878, às 14h30, enquanto as ações da Sembcorp Marine subiram US$ 0,01 ou 0,9%, para US$ 1,19.