WHAT'S NEW?
Loading...

Petrobras oficializa venda das refinarias e promete saída do gás

Resultado de imagem para Petrobras venda das refinarias

A Petrobras iniciou nesta sexta (28), a oferta de quatro das oito unidades de refino que pretende vender. Divulgou teaser da Refinaria Abreu e Lima (Rnest), da Refinaria  Landulpho Alves (Rlam), da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar) e da Refinaria Alberto Pasqualini (Refap). As unidades estão instaladas nos estado de Pernambuco, Bahia, Paraná e Rio Grande do Sul, respectivamente.

-Empresas do setor de óleo e gás com receita anual, em 2018, acima de US$ 3 bilhões e que tenham e operem ativos de produção, refino, transporte, logística, comércio, trading ou distribuição de petróleo ou seus derivados podem disputar as unidades.

- Também podem participar investidor ou grupo econômico com pelo menos US$1 bilhão em ativos sob gestão ou controle. Leia os detalhes em epbr

A venda das refinarias foi acordada com o Cade, por meio de TCC, que também atende às expectativas do governo para que um mesmo grupo econômico não concentre um polo regional de refino. Não podem ser compradas em conjunto a Rlam (BA) e a Rnest (PE); a Repar (PR) e a Refap (RS); e a Regap (MG) e a Rlam (BA).

- A Regap ainda não foi ofertada – será até o fim do ano junto com a Reman (AM), Lubnor (CE, de pequeno porte) e a Six (PR, mas que processa xisto, não óleo).

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, confirmou que a empresa está alinhada com o governo e vai realizar novas vendas de empresas de transporte e distribuição de gás. “Vamos abrir espaço”, afirmou, após participar de evento na B3, em São Paulo, na quinta (27).