WHAT'S NEW?
Loading...

Fábrica da Volks no Paraná retoma 2º turno de operação


Resultado de imagem para Fábrica da Volks no Paraná retoma 2º turno de operação

 A fábrica paranaense da Volkswagen, em São José dos Pinhais, retomou o segundo turno de operação no início da semana passada. A medida, prevista desde o final de 2018, visa acelerar a produção do T-Cross, SUV recém-lançado pela marca no Brasil. Segundo a montadora, cerca de 500 funcionários que estavam em lay-off (suspensão temporária de contratos) voltaram ao trabalho.

De acordo com comunicado da montadora, a retomada permitirá elevar a produção do T-Cross para abastecer tanto o mercado interno como as exportações, uma vez que o novo SUV da marca tem potencial para ser comercializado em 50 mercados da América Latina e África. Além do segundo turno, os dias de produção na fábrica aumentarão significativamente em 2019, cerca de 100 dias a mais que em 2018 (de 150 para 250).

“Além das 500 pessoas que retornarão do lay-off, ainda contrataremos mais 60 profissionais para acelerar a produção do T-Cross. Ele é o 12º das 20 novidades que lançaremos até 2020. É o modelo mais importante da Volkswagen em 2019. Temos compromisso com o Brasil e aqui estamos investindo nesse período R$ 7 bilhões para essa que é a maior ofensiva de produtos da história da marca Volkswagen no país”, destaca Pablo Di Si, presidente e CEO da Volkswagen América Latina.

Ao todo, a Volkswagen do Brasil investiu R$ 2 bilhões na produção do T-Cross no Paraná, incluindo modernização e ampliação da fábrica, incluindo a compra de 250 robôs, e o desenvolvimento do projeto, que resultou no primeiro SUV da Volkswagen fabricado no Brasil. Cerca de 75% do conteúdo do automóvel é nacional.