WHAT'S NEW?
Loading...

Equinor avança com projeto para eletrificação da produção de óleo e gás

Resultado de imagem para projeto para eletrificação da produção de óleo e gás

A Equinor fechou contrato com o Porto Industrial de Gulen, na Noruega, para montagem das turbinas eólicas offshore do projeto de Hywind Tampen, que pretende interligar os campos de Gullfaks e Snorre, um investimento estimado em US$ 660 milhões. Nenhum trabalho, contudo, começará antes da decisão final do investimento no projeto.

O contrato prevê áreas onshore e costeira para armazenamento, montagem e comissionamento de todos os componentes para as turbinas eólicas flutuantes, bem como infra-estrutura e instalações necessárias no período do projeto. As turbinas serão rebocadas para o campo onde serão ancoradas, conectadas e colocadas em operação.

Com uma capacidade combinada de 88 MW, as turbinas de 8 MW atenderão a cerca de 35% da demanda anual de energia das cinco plataformas.

“Este é um projeto desafiador que exige soluções técnicas otimizadas e reduções de custo adicionais antes que os parceiros possam tomar uma decisão de investimento”, diz o diretor de Projetos da Equinor, Olav-Bernt Haga.

Hywind Tampen pode se tornar o primeiro projeto do mundo a usar turbinas eólicas para eletrificação de instalações de petróleo e gás. A Equinor estima que a redução das emissões de CO2 das cinco plataformas de petróleo e gás nos campos de Snorre e Gullfaks é de 200.000 toneladas por ano.