WHAT'S NEW?
Loading...

Petrobras e Total juntas na área de Energia Renovável

Resultado de imagem para Petrobras joint venture  Total

Petrobras criará joint venture com francesa Total na área de energia renovável e confirma a assinatura de entendimentos de projetos em Energias Solar e Eólica.


A Petrobras divulgou na última sexta-feira (21), que no dia anterior foi realizada a assinatura de um acordo de investimentos para a criação de um joint venture com a empresa francesa Total, o acordo é com a Total Eren, subsidiária da empresa na área de Energia Renovável. A intenção é que esta empresa a ser criada desenvolveria projetos de energia solar e eólica e teria a participação maioritária da Total Eren com 51% e da Petrobras com 49%.

O comunicado da Petrobras afirma também que, pelo planejamento inicial, a joint venture desenvolverá uma carteira de projetos de até 500 MW de capacidade instalada em um horizonte de cinco anos. Conforme o acordo, que tem característica vinculante, as empresas se comprometem a negociar os documentos que serão necessários para a implementação da empresa.
Em julho deste ano as empresas já tinham assinado um memorando de entendimentos para avaliação de negócios conjuntos tanto na área de energia solar quanto em energia eólica.

Total x IBAMA

O anúncio em investimentos em Energia Renovável, vem logo depois de ações da Petroleira Total no sentido de melhorar sua imagem na terra natal, onde os protestos á favor do meio ambiente são sempre bem fortes, convidando ONGs á visitar áreas que serão perfuradas na Guiana Francesa.

Muitos relacionam esta atitude da empresa a negativa do Ibama de licença de perfuração na Foz do Amazonas.

O Greenpeace considerou a recusa como uma vitória histórica, pois vinha liderando, há cerca de 2 anos, uma campanha contra a exploração de petróleo na região, depois da descoberta de recifes de corais, rodolitos e esponjas com caraterísticas únicas, no mar de Amapá.