WHAT'S NEW?
Loading...

Volume de investimentos da Petrobras para este ano é o menor desde 2005

petrobras

A previsão de total de investimentos da Petrobrás para 2018 caiu pela segunda vez desde agosto. Segundo o presidente da estatal, Ivan Monteiro, o volume de recursos inicialmente estimado em US$ 15 bilhões recuou para US$ 13 bilhões, uma diminuição de 13,3%. O anúncio foi feito durante a apresentação de resultados do terceiro trimestre, na manhã desta terça-feira (6), na sede da petroleira, no Rio de Janeiro.

Para lembrar, em agosto, na divulgação do balanço financeiro da petroleira no segundo trimestre, a companhia anunciou que a previsão de investimentos para 2018 tinha caído de US$ 17 bilhões para US$ 15 bilhões.

O novo número anunciado hoje pela diretoria é o menor desde 2005, quando os investimentos reais da companhia somaram US$ 14,6 bilhões. Em tempos áureos, como no início da década de 2010, a Petrobrás chegou a aplicar R$ 48 bilhões (2013). Nos últimos dois anos, o patamar de investimentos ficou na faixa de US$ 15 bilhões.

Conforme o Petronoticias publicou no início desta manhã, a Petrobrás fechou o terceiro trimestre de 2018 com lucro de R$ 6,6 bilhões de reais. O valor é 25 vezes maior em relação ao mesmo período do ano passado, porém ficou 33% menor na comparação com o segundo trimestre de 2018.

O resultado da Petrobrás poderia ter sido maior caso não tivesse fechado um acordo na justiça dos Estados Unidos para encerrar investigações contra a empresa no Departamento de Justiça (DOJ) e Securities & Exchange Commission (SEC). O valor de aproximadamente R$ 3,6 bilhões será pago para autoridades americanas e brasileiras por conta das irregularidades apuradas na Operação Lava-Jato. Excluindo-se esses acordos, bem como os efeitos da Class Action, o lucro líquido seria de R$ 10,3 bilhões no trimestre e R$ 28 bilhões no acumulado do ano.