WHAT'S NEW?
Loading...

Techint se prepara para entregar p-76

Resultado de imagem para techint p-76

A plataforma P-76 é uma das unidades que vai ajudar a Petrobrás a alcançar a sua meta de aumento de produção de óleo e gás. O FPSO, hoje no estaleiro de Pontal do Paraná, vai ser entregue pela Techint até o final do ano.

O projeto é emblemático por conta do seu alto nível de conteúdo local – 70% -, e representa um símbolo da capacidade da indústria naval brasileira. Para o diretor comercial da Techint, Luis Guilherme Sá, a P-76 cumpre o papel de mostrar que o mercado nacional tem condições de atender a demanda futura de novas plataformas.

Contudo, existem desafios a caminho após a entrega do navio, no final do ano. A demissão de parte da mão de obra será inevitável, em virtude da falta de novos empreendimentos. “Vamos manter uma atividade mínima, mas o grosso dessas pessoas será dispensado, porque não temos projetos. Os que estão na rua hoje são de baixo conteúdo local”, explicou.

Apesar das dificuldades, o diretor tem ainda boas expectativas em relação ao futuro, com a adoção de 40% de conteúdo local para FPSOs em blocos já leiloados no passado. Ele espera, contudo, que esse mesmo percentual seja aplicado também às licitações futuras – já que nos certames mais recentes, como a 5ª rodada do pré-sal, foi adotado o número de 25%.