WHAT'S NEW?
Loading...

Hyundai fecha um de seus estaleiros após 35 anos de operações

Imagem relacionada

A sul coreana Hyundai Heavy Industries decidiu fechar temporariamente seu estaleiro offshore, que fica localizado a aproximadamente 5 km do principal estaleiro da empresa, e onde são fabricadas as plantas já que não há mais encomendas que justifiquem o funcionamento do mesmo.

As instalações do estaleiro devem seguir funcionando até o final do mês de julho, quando será finalizada a construção do último pedido, recebido em novembro de 2015. Após isso, muito provavelmente em agosto, o esta,eiro vai fechar as portas pela primeira vez desde que iniciou suas operações em 1983.

Em uma carta aos funcionários divulgada na última sexta-feira, Kang Hwam-goo, Presidente e CEO da Hyundai Heavy Industries, informou a decisão tomada, destacando o fato de não haver pedidos feitos por muito tempo.

Com o último módulo do projeto Nasr sendo entregue para a Abu Dhabi Marine Operating Company no fim de Julho, a empresa não terá mais nada em vista.

A Hyundai tomou esta decisão por não ter condições de manter as operações do estaleiro sem ter novos pedidos em carteira, e não é por falta de tentativas. A empresa tem buscado clientes no mercado, mas não tem conseguido fechar nenhum negócio que envolva novas construções já há três anos.

A empresa tem entrado em diversas licitações, mas tem perdido todas para estaleiros concorrentes em Cingapura e na China, que oferecem preços e condições melhores. Este fato inclusive levou a Hyundai a recentemente modificar seu planejamento e buscar formas de se tornar mais competitiva frente aos seus concorrentes.

O fechamento doe staleiro, ainda que temporariamente, deve deixar cerca de 5.600 pessoas desempregadas entre funcionários (2.600) e terceirizados (3.000), o que nunca é uma boa notícia. A empresa vai manter uma equipe reduzida para que possa atender seus clientes no pós-vendas.



Por Rodrigo Cintra