WHAT'S NEW?
Loading...

Sustentabilidade? China vai usar gasolina com etanol

Resultado de imagem para China r gasolina com etanol

O governo da China anunciou que está começando a colocar em prática o seu plano de usar somente a mistura de gasolina com etanol até o ano de 2020.

A decisão foi tomada em setembro do ano passado e tem como objetivos principais:

Diminuir a emissão de gases poluentes;

Reduzir os estoques de milho do país;

Além de evitar a dependência de combustíveis não renováveis;

A primeira cidade a aderir oficialmente a determinação do governo central da China é Tianjin, que fica na região metropolitana da capital Pequim e possui cerca de 15 milhões de habitantes.

Gasolina com Etanol: A província anunciou que a partir de setembro a maior parte da gasolina comercializada na cidade será misturada com etanol.

Caso a meta seja alcançada, o uso do biocombustível deve chegar a 260 mil toneladas e o consumo de milho baterá as 780 mil toneladas por ano.

Atualmente os estoques de milho da China chegam a cerca de 200 milhões de toneladas, sendo que o país produz apenas 2,5 milhões de toneladas de etanol por ano.

Com a adoção da nova política de combustíveis, a demanda da produção de etanol pode alcançar as 15 milhões de toneladas anuais.

E isso incentivaria um maior engajamento dos agricultores nesse novo cenário que está em crescimento na região.

Gasolina com etanol

Várias refinarias chinesas já estão pedindo autorização do governo local para adquirirem etanol importado visando o novo mercado que se aproxima.

Segundo a Corporação Nacional de Petróleo da China (CNPC), estatal do setor petrolífero, a ideia é produzir o próprio combustível em vez de comprá-lo, já que isso poderia encarecer o processo.

“As refinarias particulares são um enorme mercado para nós. Mas, nosso intento é aumentar a produção nas províncias do Norte para atender a essa demanda”, conclui a CNPC.