WHAT'S NEW?
Loading...

O que é double banking, que a Petrobras está fazendo em Angra dos Reis?


A Petrobras começou a realizar em escala comercial – a partir de 20 março – operações de transbordo a contrabordo no Terminal Aquaviário de Angra dos Reis – TAAR (antigo Tebig), em Angra dos Reis (RJ). A técnica, utilizada já utilizada fora do país, foi estudada pela estatal depois da proibição pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), em 2015, de operações ship to ship na região.

Com a proibição, a Petrobras levou parte de suas operações de transbordo para o Uruguai. De 2015 até o começo do ano foram realizadas mais de 70 operações no país vizinho, deixando por lá impostos, renda e empregos. Agora, com a aprovação dos estudos em parceria com a Universidade de São Paulo (USP), este tipo de operação poderá ser ampliada para outros terminais da empresa.

“Nós não estamos reinventando a roda. Estamos revisitando a estrutura dos nossos terminais e tivemos essa grata surpresa”, diz o gerente de Implantação de Novas Operações de Transporte e Armazenamento da Petrobras, Joselito Câmara.

Mas o que é doble banking?


O double banking ou transbordo a contrabordo ocorre quando os navios estão atracados em um pier. A modalidade é diferente da conhecida como “ship to ship”, que acontece quando embarcações estão em alto-mar.

O primeiro navio atraca ao cais e, sem seguida, o segundo navio atraca a contrabordo da primeira embarcação. O petróleo é transferido de um navio para o outro após a atracação.