WHAT'S NEW?
Loading...

Grupo constrói Centro de Excelência Mundial no Brasil

Imagem relacionada

A proposta da parceria é manter uma interlocução constante com os órgãos públicos, no sentido de facilitar o processo de tomada de decisão nas áreas financeiras, ambientais, legais e de infraestrutura. Também prevê o incentivo a parcerias entre a iniciativa privada e o setor público para a gestão de parques tecnológicos e de centros de pesquisa, a fim de promover inovação, ciência e tecnologia.

O novo centro de excelência do Grupo Prysmian vai consumir R$ 110 milhões na ampliação e modernização da fábrica de fios e cabos de Sorocaba (SP) e mais R$ 40 milhões na unidade da empresa na Argentina.

O lançamento do novo centro é a aposta da organização no crescimento e fortalecimento dos mercados brasileiro e sul-americano nas áreas de energia e telecomunicações. Em seu pleno funcionamento, será um polo competitivo para atender o mercado nacional de fios e cabos, bem como para ampliar as exportações das atuais linhas de produtos.

Segundo o CEO da Prysmian na América do Sul, Marcello Del Brenna, os investimentos na nova estrutura mostram o compromisso da empresa com os mercados brasileiro e sul-americano e a disposição em buscar um crescimento ainda maior nessas regiões. “O investimento no Brasil é parte do plano estratégico da empresa para melhorar nossas capacidades operacionais globais, tornando-nos ainda mais eficientes e competitivos”, comenta Del Brenna.

Para o prefeito de Sorocaba, José Crespo, os investimentos da Prysmian são fruto do alto nível de atratividade do município ao capital industrial, seja nacional ou estrangeiro. “Trata-se, na verdade, de um projeto altamente significativo para a cidade, à medida que movimenta a economia local, com a geração de novos empregos e ampliação do parque tecnológico da região”, afirma Crespo.

De acordo com o diretor da Investe São Paulo, Sérgio Rodrigues Costa, a ideia da parceria é promover articulação com entidades públicas e privadas relevantes para viabilizar, de fato, todo o investimento da Prysmian neste projeto. “Também atuamos no incentivo às exportações dos produtores paulistas, auxiliando na interlocução com órgãos públicos, associações nacionais e internacionais e iniciativa privada”, ressalta Costa.

Anúncio

O projeto foi anunciado durante coletiva de imprensa realizada na prefeitura municipal de Sorocaba, durante a qual o gerente de projetos da Investe SP Alexandre Marx falou sobre o apoio da empresa no projeto. A prefeita em exercício Jaqueline Coutinho também falou sobre a importância do empreendimento da Prysmian para a cidade, junto do secretário de Desenvolvimento Roberto Freire.. Por parte da empresa participaram a diretora Lucimar Pivetta, o gerente de Fábrica Alfredo Rodrigues e o líder do Projeto, Jorge Hanmal.

Na semana anterior, um grupo de executivos da Prysmian, incluindo Del Brenna, recebeu na fábrica, além de Marx, o diretor de Relações Institucionais da Investe SP Sérgio Costa e o secretário Roberto Freire. O encontro foi seguido ainda de um almoço com o prefeito Crespo.

O Grupo Prysmian é grande fabricantes de sistemas de cabos de energia e telecomunicações. Com quase 140 anos de experiência, vendas de cerca de € 7,5 bilhões em 2015, mais de 19 mil funcionários em 50 países e 88 fábricas, o Grupo está fortemente posicionado em mercados de alta tecnologia e oferece a mais ampla gama de produtos, serviços, tecnologias e know-how. Atua nos negócios de cabos subterrâneos e submarinos e sistemas de transmissão e distribuição de energia, de cabos especiais para aplicações em diversas indústrias e de cabos de média e baixa tensão para os setores de construção e infraestrutura. Para o setor de telecomunicações, o Grupo fabrica cabos e acessórios para transmissão de voz, vídeo e dados, oferecendo uma ampla gama de fibras ópticas, cabos ópticos e cobre e sistemas de conectividade. Prysmian é uma empresa pública, listada na Bolsa de Valores italiana no índice FTSE MIB.

No mercado sul-americano, a empresa está presente desde 1917 e atualmente é líder em soluções para cabos e sistemas. Possui unidades na Argentina (1), Brasil (7) e Chile (1), além de escritórios comerciais. Os principais produtos são fios e cabos elétricos, acessórios e serviços direcionados para os segmentos de transmissão e distribuição de energia, construção civil, indústria em geral, indústria automobilística, extração de petróleo, telecomunicações, transmissão de dados e fibras ópticas.