WHAT'S NEW?
Loading...

Desestatização da prefeitura de São Paulo quer fundo de R$ 5 bilhões

Resultado de imagem para prefeitura de São Paulo

O secretário de Desestatização, Wilson Poit, estabeleceu em R$ 5 bilhões o fundo que deverá ser criado pelo programa econômico da prefeitura.

“As concessões, parcerias público-privadas e privatizações vão desonerar o município em R$ 2 bilhões. Só em fraudes do bilhete único vamos eliminar R$ 250 milhões em custos. Ou seja, em quatro anos serão economizados R$ 1 bilhão que antes eram desviados”, garante o secretário responsável pelo projeto.

Poit afirma que o dinheiro será investido em áreas estratégicas, como saúde e educação.

“A ideia é gerar investimentos públicos e privados que tenham efeito cascata, estimulando toda a economia paulistana”, diz.