WHAT'S NEW?
Loading...

RJ e SP deverão ter investimentos de R$ 43 milhões em gás natural

Resultado de imagem para Gás Natural Fenosa

Os mercados do Rio de Janeiro e São Paulo deverão ter investimentos de R$ 43 milhões pela Gas Natural Serviços, empresa do grupo Gas Natural Fenosa, para o setor de soluções energéticas. Deste total, R$ 27 milhões serão para o segmento de geração e cogeração de energia; quase R$ 17 milhões para desenvolver serviços de: climatização, aquecimento de água, vapor, iluminação de LED e outras soluções voltadas para eficiência energética.

O gerente de Soluções Energéticas da empresa, Marcio Carnaval, explicou que este ano será considerado um marco para a companhia de serviços em gás natural no Brasil, principalmente no segmento de soluções energéticas. “O plano de investimento prevê um crescimento expressivo este ano frente ao exercício anterior, aproximadamente 400%, isso distribuído entre as diversas linhas de negócio que possuímos como geração, cogeração e climatização por exemplo”, explicou ele.

Diante desse volume de investimentos, a empresa espera crescer 180%, em 2017, ampliando sua participação nos segmentos industrial comercial e imobiliário. Para diversificar seu portfólio, a empresa está iniciando a venda de equipamentos de porte industrial movidos a gás natural para substituir aparelhos elétricos usados nesse segmento e em estabelecimentos comerciais como fornos, fogões, fritadeiras, lavadoras e secadoras.

Carnaval explicou que a ampliação da atuação nos mercados carioca e paulista se dará por vertentes comercial e de parcerias. Na parte comercial, a visitação das equipes é considerada o princípio da comercialização e aponta que o reconhecimento e fortalecimento da marca se faz nas ruas. “Por isso investimos em capital humano e desenvolvemos nossa capacidade de identificar oportunidades, desenvolver projetos e apresentar propostas”, afirmou.

Já a outra vertente, se baseia em firmar parcerias. “Qualidade e segurança por meio do estabelecimento de parcerias com empresas que se identificam conosco e que podem de algum modo potencializar nossas ações comerciais, tanto na parte comercial como na parte técnica”, disse.