WHAT'S NEW?
Loading...

Petrobras denuncia furto de óleo diesel de mais uma tubulação

Dois homens foram presos na tarde do último sábado (17) suspeitos de participarem de um esquema montado para furtar óleo diesel, em Jarinu localizado no estado de São Paulo. De acordo com a Polícia Militar, com eles a equipe apreendeu pás, uma mangueira e ferramentas que supostamente foram usadas no crime.


Ainda segundo a PM, uma denúncia feita pela Petrobras foi registrada após a companhia identificar vazamento nos dutos. Durante a ação, os criminosos teriam cavado um buraco para chegar até a tubulação da empresa Transpetro.

“Provavelmente havia um terceiro veículo no qual já havia feito a captação do combustível e fugido antes da chegada da viatura”, explica o sargento Gustavo Rufino.

Suspeitos foram detidos com ferramentas que teriam sido usadas no crime em Jarinu (Foto: Reprodução/TV TEM)Após identificar a extração ilegal de combustível, a Petrobras informou para a polícia o local exato onde o furto teria sido feito. Foram furtados cerca de 25 mil metros cúbicos de diesel. A suspeita é de que o óleo tenha sido retirado por uma abertura feita no duto. Funcionários da petrolífera foram chamados pra consertar o estrago.

“Pela logística toda, acreditamos que tem muito mais gente envolvida nesse fato”, diz o delegado Elias Riberio Evangelista Júnior.

O local, que fica entre Jarinu (SP) e Itatiba (SP), é cercado de placas sinalizando que na área passa a tubulação. Na estrada de terra, a polícia apreendeu dois caminhões baús com vários tonéis, que seriam usados pra transportar o combustível furtado e um carro.

A investigação procura por uma terceira pessoa que conseguiu fugir. A Polícia Civil tenta descobrir a participação de uma suposta quadrilha especializada no crime.