WHAT'S NEW?
Loading...

Janot nega acesso a investigação da Odebrecht a mexicanos

Os procuradores federais do México estão desapontados com Rodrigo Janot. Na semana passada, o subprocurador mexicano Alberto Beltrán foi a Brasília para obter informações sobre a Odebrecht.

Responsável pelas investigações internacionais em seu país, Beltrán esperava receber o conteúdo das delações dos executivos da empreiteira que tratavam de crimes em seu país.

Mas voltou de mãos vazias.

Apesar de ter desembarcado com o acordo de cooperação firmado, assim como a promessa de receber o material, a Procuradoria-Geral da República alegou que o compartilhamento ainda depende de decisão do Supremo.

O MP mexicano investiga quem recebeu dinheiro ilegalmente da Odebrecht. A empreiteira confessou ter distribuído, naquele país, cerca de 10,5 milhões de dólares em propinas.