WHAT'S NEW?
Loading...

Mais um consórcio quer suspender obra de trecho do São Francisco

Resultado de imagem para construtora  São Francisco

Mais um consórcio entrou na Justiça no enrolado Eixo Norte do Rio São Francisco. A construtora Marquise, segunda colocada no edital, pede a inabilitação da Passarelli, primeira colocada e com proposta R$ 75 milhões mais barata, e da Emsa-Sitom, terceira colocada, declarada vencedora após imbróglio.

A Marquise alega preencher todos os requisitos e pede que seja habilitada para a obra. Com isso, pede que o processo seja suspenso até decisão do juiz.